rest

O que é REST? Conheça as principais informações aqui!

Na hora de desenvolver uma loja virtual, é preciso prestar atenção a diversos detalhes importantes que vão orientar a estrutura de programação e garantir um bom funcionamento. Se é isso o que você deseja, então é bom ficar de olho na tecnologia REST.

Já ouviu falar nela? Eu sei que você, provavelmente, carrega um bom conhecimento sobre o desenvolvimento de sites. Mas achei interessante trazer um pouco mais dessas informações aplicadas ao e-commerce e mostrar a importância desse conhecimento.

Vamos conversar um pouco sobre isso?

Para a loja funcionar, é preciso integrar

Uma loja virtual concentra a oferta dos produtos e informações sobre eles. Mas sabemos que para administrá-la são necessários diversos outros recursos.

Entre as necessidades estão o controle de estoque, a emissão de notas, o envio de emails, a construção de um funil de vendas como estratégia para conversão dos visitantes em clientes… Enfim, são diversos atributos que o seu e-commerce precisa ter para que você consiga organizar os vários processos envolvidos e administrar bem o negócio.

Para isso, é importante que a solução que você contratar forneça um API que permita a integração com outras plataformas que possibilitem esses processos. É aí que entra a necessidade de conhecer o que é API e REST. O assunto é mais complexo, mas importante para entender como essa junção funcionará.

O que é preciso para entender sobre API

O API, ou Interface Application Program, é um código programável que faz com que dois softwares consigam se comunicar entre si. Ou seja, é por meio do API que você consegue integrar duas plataformas.

Elas podem ter sido programadas por empresas totalmente diferentes. Porém, se tiverem essa possibilidade de integração, conseguem trocar dados e fornecer para você uma visão completa do negócio.

Com os APIs, os softwares tiveram um grande ganho de qualidade. Eles também são muito usados na nuvem. Afinal, é comum nesse ambiente encontrarmos diversos sistemas pensados e desenvolvidos por empresas distintas. Os APIs podem ser baseados em web, em programa e local.

Agora, é a vez de conhecer REST

O uso de serviços REST está em constante crescimento ― gigantes como Amazon, Google, Microsoft e Facebook utilizam essa tecnologia para a disponibilização de serviços.

Podemos definir o termo a partir do significado de REST: um acrônimo para Representational State Transfer. Ele serve para definir as características fundamentais para a construção de aplicação Web.

Trata-se de um modelo de arquitetura que cria serviços e os disponibiliza na web. É usado no protocolo HTTP, o mais comum para localização de endereços de sites.

Como o REST é mais simples e opera com pacotes de dados mais leves, dispensa a necessidade da criação de camadas intermediárias para atuar. Por isso, está ganhando tanto espaço e sendo escolhido pelos desenvolvedores.

Preste atenção no exemplo abaixo para entender como ele funciona:

  1. você digita um endereço no seu navegador de internet;
  2. o navegador estabelece uma conexão TCP/IP com o servidor de destino, e envia uma requisição com o endereço que você indicou na barra de navegação;
  3. o servidor interpreta a sua solicitação e devolve o resultado para você, em um endereço HTTP;
  4. essa resposta é a página do site que você procurou. Se a busca não é concluída com sucesso, volta como 404 not found, o que significa que o endereço não foi encontrado.

Quando falamos de e-commerce, temos uma aplicação que gerencia todas as coisas que envolvem o site: clientes, vendas, produtos etc. Esses fatores são os recursos do modelo REST.

Calma, não precisa puxar os cabelos. Vou explicar o que são esses recursos para ficar tudo bem claro. Me acompanhe nessa!

Os recursos

Um recurso é uma abstração sobre um tipo de informação que a aplicação gerencia. Por exemplo, você tem os recursos de venda, lista de clientes, lista de produtos, identificação individual de cada produto.

Quando envia uma requisição ao web service, como ele vai saber o que exatamente deve manipular ou entregar para você? É aí que entra a identificação única do recurso, no qual é aplicado o conceito de URI (Uniform Resource Identifer).

Só para ficar mais claro, vou simular aqui alguns URI, apenas para você identificar o padrão:

  • lista de produtos: http://sualoja.com.br/produtos;
  • lista de clientes: http://sualoja.com.br/clientes;
  • secador de cabelo: http://sualoja.com.br/produtos/secadordecabelo.

Para funcionar bem, a URI deve ser legível e dentro do formato usado no modelo REST.

Como a iugu se comporta no meio de tudo isso

Agora você já sabe por que é importante integrar a plataforma, os componentes essenciais para isso e a sua relevância para o e-commerce. Mas por que eu estou falando desses conceitos para você?

Simples! A iugu é uma plataforma para facilitar o fluxo de pagamentos da sua loja virtual, aceitando diversas bandeiras de cartão de crédito e boletos, além de centralizar a gestão e o controle financeiro. Essa plataforma pode ser integrada a diversas soluções, justamente porque trabalha com uma interface no modelo REST.

Ou seja, essa interligação pode ser feita de maneira rápida, sem sobrecarregar o servidor que hospeda o seu e-commerce ou o site da sua empresa. Ela conta com uma interface que permite comandar ações, verificar configurações e sincronizar a iugu com o sistema que você costuma usar.

A API da iugu permite que o desenvolvedor faça as próprias integrações e conecte a plataforma, em minutos, com os demais sistemas que precisar para fazer uma administração completa e mais precisa do negócio. Ela importa dados sem abrir mão da segurança.

Nesse post, apresentei o que é REST e a importância dele para os sistemas que envolvem o seu negócio. Vale a pena pensar nessa possibilidade de integração completa na hora de contratar as soluções que envolvem todos os aspectos de um e-commerce, ficando mais tranquilo na hora de operá-lo.

Bom, você já pode contar com a iugu para os pagamentos, independentemente se você vende produtos físicos, eletrônicos ou serviços. Quer saber como a plataforma pode ajudar na prática? Entre em contato, converse com um dos especialistas e saiba tudo sobre a solução!

*** *** *** *** ***

Fale hoje com um especialista iugu e entenda como podemos ajudar a potencializar o seu negócio!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.